Localizando estrelas

Comprou-nos uma estrela e agora quer encontrá-la no céu noturno?

Para principiantes: Utilizar um planetário on-line

Find a Star
A opção mais fácil utilizar é um planetário online, como o "Stellarium", onde basta introduzir o número HIP da estrela (por exemplo "HIP 677"). Depois irá receber um mapa de estrelas atualizado com informações detalhadas sobre a localização da sua estrela.

À direita, pode ver uma imagem representativa do Stellarium. Esta imagem mostra o que pode observar no horizonte norte no dia 14 de Fevereiro (Dia dos Namorados) à meia-noite. Será capaz de ver duas constelações muito interessantes, o belo cisne e a estrela mais famosa do céu do norte, a Vega, na constelação Lira. Um planetário on-line como o Stellarium, permite-lhe procurar a sua estrela de forma fácil e mostra-lhe onde localizar a sua estrela num determinado momento.

Para utilizadores experientes: Tudo sempre à mão - o mapa rotativo de estrela

Rotating Star Map

Gostaria de ter um pouco mais de flexibilidade e ser capaz de encontrar a sua estrela quando estiver longe do computador? Como quando estiver num descampado ou durante uma viagem de acampamento?

Então, a sua melhor opção será um mapa estrelar rotativo. Tudo que precisa de fazer é colocar a data e hora atual nas duas rodas giratórias e o mapa vai dizer-lhe em que direção e altura pode ver a sua estrela. Depois de alguma prática, o processo é bastante intuitivo. As instruções que vêm com o mapa estrelar rotativo irão dizer exatamente o que precisa fazer a para encontrar a sua constelação de forma muito rápida.

"Na foto pode ver como é um típico mapa estelar rotativo.
Nota: Cada mapa estrelar rotativo é projetado para ser utilizado numa região geográfica específica. No entanto, se estiver na Europa não precisa de se preocupar. As diferenças entre o céu noturno em Londres e Roma são muito pequenas."

Para profissionais: Orientar-se no céu noturno sem ferramentas

É a opção mais difícil, mas também a mais flexível para localizar a sua estrela sem ferramentas adicionais. Esta opção requer um pouco de prática, mas permite-lhe familiarizar-se com céu num nível muito mais profundo.

Find Polaris star

O primeiro passo é encontrar a Estrela do Norte ou Estrela Polar. A Estrela Polar é uma das estrelas mais brilhantes do céu e está localizada exatamente a norte a uma altitude de cerca de 50 graus. Conhece a Ursa Maior? Se conhecer pode usá-la para encontrar a Estrela Polar. O desenho à direita mostra o que deve procurar.

Primeiro precisa localizar a Ursa Maior. Veja isto: As suas sete estrelas mais brilhantes variam no brilho. Se estender o eixo traseiro cinco vezes, bate na estrela polar ligeiramente mais fraca que faz parte da Ursa Menor. Isto lhe irá dar-lhe um bom ponto de referência. Ele forma o Pólo Norte celeste e é exatamente a norte.

De seguida, veja as informações que fornecemos para a sua constelação. É uma constelação de Primavera, Verão, Outono ou Inverno? Ou será que nomeou uma estrela que está localizada numa chamada constelação circumpolar?

Uma constelação de Verão é definida pelo facto de ver muito melhor observada, tanto quanto possível em tempo de Verão. Isto significa que pode ver a sua constelação de Verão no anoitecer do leste. Durante a noite a constelação move-se para o sul e depois para oeste antes de se pôr por trás do horizonte ao entardecer. O mesmo se aplica para as constelações de Primavera nas constelações da Primavera, Outono e Inverno.

Por exemplo, encontrar uma constelação de Outono em tempo de Outono é relativamente fácil. À noite, a constelação pode ser encontrada perto do horizonte, a leste, enquanto que perto da meia-noite a constelação pode ser encontrada no alto do horizonte a sul antes desaparecer por trás do horizonte a oeste.

E sobre a observação de uma constelação de Outono no Inverno? A constelação só pode ser vista durante algumas horas. No Inverno se for meia-noite, devemos ter em conta que as constelações de Inverno estão muito altas a sul, depois as constelações de Primavera estão apenas a começar a subir para leste, enquanto as constelações de Outono já se estão a pôr a oeste. Isto também é válido para qualquer outra época. As constelações de estações passadas só podem ser vistas entre o pôr-do-sol e a meia-noite e as constelações de estações seguintes apenas são vistas entre a meia-noite o amanhecer. As constelações de Verão não podem ser vistas durante todo o tempo de Inverno.

Portanto, sabendo qual a estação do ano atual e em que estação a sua constelação pode ser melhor vista, pode obter uma estimativa de quando procurar e em que direção o deve fazer, se quiser encontrar a sua constelação no céu noturno.

E a altura da sua constelação? A declinação da sua estrela vai dar-lhe uma ideia do quão alto (ou baixo) deve de olhar. Pode encontrar estas informações na ficha de informação que vem com sua estrela. Regra geral, quanto maior a declinação, mais alto terá de olhar para a sua estrela no céu.
Antes de começar a sua pesquisa, tente lembrar-se dos contornos da sua constelação e também das constelações vizinhas. Não é fácil encontrar uma constelação sem a ajuda de ferramentas. Com muita prática, irá certamente encontrar a sua constelação ou uma das constelações vizinhas com facilidade. Esqueceu-se de uma das estrelas da constelação que nomeou? Não há problema, o nosso mapa detalhado pode ajuda-lo a encontrar o local exato.

Encontrar a sua estrela numa constelação circumpolar é particularmente fácil. Ela pode ser vista durante todo o ano, durante toda a noite e tal como como a Ursa Maior, está perto da estrela polar.

Agora, para alguns conselhos gerais:
Seja paciente! Mesmo as estrelas muito brilhantes podem ser difíceis de encontrar quando está nublado e há muitas luzes da cidade. Deixe que os seus olhos se habituem à escuridão. Especialmente no inverno, não subestime o frio e previna-se com algumas roupas quentes, cobertores e bebidas quentes.

1 comentário a “Localizando estrelas”